FATO URGENTE
Brasil Últimas Notícias

Mulher que se diz “serva de Deus” agride atendente de rodoviária em MT e é presa por homofobia

Neste domingo (28), uma mulher que se diz “serva de Deus” agrediu verbal e fisicamente atendente de rodoviária em MT.

Ela o chama de “viado” repetidas vezes e o segura pela roupa.

Após ser orientada sobre regras de prevenção da pandemia, a mulher quebrou máquinas de cartão, cones, teclado e monitor de um computador, o celular de um mototaxista, além do balcão da agência.

A mulher foi presa por homofobia, ameaça, dano, injúria mediante preconceito, lesão corporal e tráfico de influência.

Relacionados

Prefeito mostra documento do Exército que cobra informações sobre vagas em cemitério

Bezerra

Genro de Silvio Santos para Comunicações reforça estratégia política de Bolsonaro. Por Caroline Oliveira

Bezerra

Carga de 15 milhões de luvas cirúrgicas é escoltada pela polícia, do Paraná até SC

Bezerra